• Atendimento Psicológico em Oncologia

    O atendimento psicológico em oncologia consiste em auxiliar o paciente a lidar com as etapas do seu processo de adoecimento, que englobam a prevenção, diagnóstico e tratamentos algumas vezes prolongados.

    O tratamento oncológico gera repercussões de ordem física, psíquica, social, relacional e em alguns casos financeira; mobilizando questões emocionais que precisam ser trabalhadas e cuidadas para fortalecer o indivíduo no enfrentamento deste momento de vida.

    Apesar dos avanços científicos nesta área e da descoberta de novas técnicas, o câncer ainda é associado por algumas pessoas a uma sentença de morte, aliado à percepção de que os tratamentos são agressivos e vinculados a sofrimento e perdas em relação à aparência, efeitos colaterais, autonomia e mudanças no cotidiano, na rotina familiar e profissional.

    O impacto do diagnóstico é relatado por muitas pacientes como uma vivência de angústia, medo, revolta, tristeza e uma profunda impotência frente ao desconhecido em relação à doença, ao tipo de tratamento, ao prognóstico e sobretudo ao questionamento de como será suas vidas a partir deste fato.

    Este momento pode representar também uma “parada obrigatória” para uma revisão e conseqüente transformação na forma de lidar com a doença e com o significado disto para a vida.

    O câncer de mama e o tipo de tratamento indicado resulta, de modo geral, em repercussões subjetivas na vida da mulher, pois o seio simbolicamente está ligado a aspectos da identidade feminina, como imagem corporal, auto-estima, sexualidade e maternidade.

    No entanto, cada paciente é um ser único, com sua própria história, crenças, expectativas e experiências; e portanto, cada pessoa, cada mulher vai enfrentar de uma maneira muito particular esta vivência que neste momento faz parte de sua vida, a qual engloba inúmeros outros aspectos.

    Muitas vezes o acompanhamento psicológico também é indicado a familiares e cuidadores que sintam a necessidade de um espaço onde possam compartilhar, elaborar e expressar o significado desta experiência, uma vez que estas pessoas acabam participando de maneira muito próxima e intensa desta situação, podendo apresentar alguns sintomas, como ansiedade, depressão, entre outros.

    O objetivo do atendimento psicológico em oncologia é oferecer um espaço de escuta e acolhimento onde as repercussões emocionais do adoecer e seus questionamentos diante deste momento possam ser expostos, sentidos, pensados e cuidados.

    Este trabalho visa um fortalecimento interno do paciente para lidar com as etapas necessárias do tratamento e dos demais aspectos de sua vida, como um todo; sobretudo auxiliando sua capacidade de transformação individual diante de uma situação de crise, na qual novas possibilidades possam ser ampliadas no sentido de promover mudanças possíveis, construtivas e com qualidade, a partir das vivências deste processo.

    Daniela Landulfo Vial
    Psicóloga – CRP 06/64457

    Deixe seu comentário →

Deixe seu comentário

Cancelar